7 histórias com animais na Bíblia

Nem só de patriarcas e reis se fazem histórias! Confira nossa lista de histórias com animais por toda a Bíblia!

Patriarcas, reis, guerreiros e princesas têm a sua vez. Mas os animais também participaram das histórias da Bíblia para torná-las ainda mais interessantes! Cobras, leões, peixes, pombos, ursos… tem de tudo nas histórias da Bíblia.

Alguns falam, outros matam, e outros engolem vivo. Confira conosco essa lista curiosa que preparamos com 7 histórias com animais na Bíblia!

Vamos começar devagar nossa lista, com os animais domésticos e aqueles usados para o trabalho. Então, para abrir a lista, vamos começar pelos… jumentos.

Os jumentos eram os animais de carga mais comuns nos tempos da Bíblia, usados sobretudo para o transporte de cargas e de pessoas. O jumento vinha da linhagem dos asnos selvagens nubianos, e ainda hoje não são muito conhecidos por sua inteligência. No entanto, entre todos os animais, foi um dos únicos que se viu falando na Bíblia, como podemos ler na história da…

1) A jumenta de Balaão – Nm.22.21-35

“Sai pra lá Balaão”

A história é uma das mais conhecidas. O misterioso profeta Balaão é chamado pelos líderes de Moabe para amaldiçoar os hebreus. Ele se dirigia até os moabitas para atender ao chamado quando, montado em sua jumentinha de estimação, a danada se desviou do caminho, assustada com um anjo. Por isso, a coitada levou tantos safanões do profeta, que Deus abriu-lhe os lábios, e ela falou com o dono:

“Que foi que eu lhe fiz, para você bater em mim três vezes?” – Nm.22.28.

2) O jumentinho de Jesus – Lc.19.29-38

Além do jumenta de Balaão, há ainda um jumentinho de muito prestígio na Bíblia. Jesus chegava nos seus últimos dias peregrinando na terra com seus discípulos. Antes de entrar, no entanto, ele pediu que os seus discípulos fossem a um povoado próximo e encontrassem um jumentinho, já misteriosamente preparado, um jumentinho que ninguém ainda havia montado.

Os discípulos encontraram o jumentinho e o levaram a Jesus. Então, os discípulos colocaram os seus próprios mantos sobre o jumentinho e pediram que Jesus o montasse. E foi assim que Ele entrou com grande glória no povado, enquanto a multidão lançava os próprios mantos para que o jumentinho passasse, e o louvavam:

“Bendito é o rei que vem em nome do Senhor! ” “Paz no céu e glória nas alturas!” – Lucas 19.38.

3) Os porcos dos gadarenos – Mt.8.28-34

“Jesus e os endemoninhados gadarenos”

Os porcos não eram muito bem vistos pelos judeus no Novo Testamento, mas eram uma grande fonte de lucro para os gadarenos. Jesus estava passando na região onde residiam os gadarenos, quando encontrou dois jovens possuídos por uma legião de demônios.

Os demônios, quando perceberam Jesus, imploraram para que, se expulsos, fossem lançados numa manada de porcos. E foi isso o que aconteceu.

Daí então, os demônios fizeram dos porcos suicidas, e se lançaram ao mar.

A morte dos porcos causou um grande prejuízo para a região, e o povo pediu que Jesus fosse embora de lá.

4) Os cães que devoraram Jezabel – 2Rs.9.30-37

“Jezabel comida por cães”, Luca Giordano

Esta é uma das histórias mais terríveis da Bíblia: trata-se do juízo da linhagem de Acabe, e da morte da rainha mais perversa que Israel conheceu, Jezabel, que fez prosperar o culto a Baal em Israel.

Jeú foi o vingador dessa história. Ele se aproximou de Jezreel, onde estava a rainha, e provocou a rebelião dos próprios funcionários de Jezabel, que a jogaram da janela. Quando ela caiu, Jeú passou com o carro por cima dela.

Depois disso, Jeú entrou na cidade, e pediu que trouxessem o corpo, mas o corpo já havia sido devorado pelos cães. Assim cumpriu-se uma profecia dada por Deus, de que os cães iriam devorar o sangue da rainha.

Pobres cães. Não devem ter tido uma boa digestão…

5) O galo de Pedro – Mc.14.66-72

“A negação de Pedro”, mosaico da Basílica de Santo Apolinário Novo

Os galos não traziam boas lembranças para o apóstolo Pedro. Jesus o havia advertido, um pouco antes da crucificação, de que o apóstolo o negaria três vezes, naquele mesmo dia, antes que o galo cantasse.

Sob protestos, o apóstolo disse que nunca faria algo assim. Até que Jesus fosse preso, açoitado, e Pedro se visse no meio de uma multidão de pessoas que detestava os discípulos de Jesus. Seguiu a noite, e enquanto Jesus era açoitado, Pedro foi questionado uma, duas, três vezes se ele era um discípulo do prisioneiro. E uma, duas três vezes Pedro negou.

Quando, para o seu terror, o galou cantou, Pedro se lembrou das palavras de Jesus. Triste canto do galo…

6) O corvo e as pombas de Noé – Gn.8.7-12

Noé e a pomba com o ramo de oliveira – desenho encontrado nas catacumbas de São Pedro, em Roma, século 2-3dC

Bom, sem tem uma história que tem animais, essa é a história de Noé. No entanto, apesar de todos os animais terem entrado na arca, dois deles, e um em especial, se destacou.

Depois do dilúvio, Noé precisava saber se as águas haviam se secado sobre a terra, e se ele já poderia sair da arca. Astuto, Noé soltou um corvo, que logo voltou à arca, pois ainda não havia surgido terra.

Um tempo depois, Noé desistiu do corvo e soltou agora uma pomba. Mas também a pomba voltou, pois as águas ainda não haviam baixado.

Setes dias depois, soltou novamente a pomba, que retornou algumas horas depois, com um ramo de oliveira em seu bico. Assim, Noé soube que as águas baixavam.

Finalmente, soltou a pomba sete dias depois novamente, mas dessa vez, a pomba não voltou: a terra se renovara.

7) Os corvos de Elias – 1Rs.17.1-6

“Vai uma carninha no pão hoje, patrão?”

Falando em corvos, não poderíamos esquecer dos corvos garçons de Elias!

O profeta profetizou contra o rei Acabe debaixo de terrível fome sobre Israel.  Por causa dos pecados do rei, toda a nação sofria pela fome. Inclusive o próprio profeta. Mas Deus não o deixaria passar fome.

Ele ordenou que o profeta fosse residir próximo a um riacho, e ordenou aos corvos que trouxessem ao profeta pão e carne!

Assim, todos os dias, o profeta bebia do riacho e era servido pelos corvos garçons. Certamente não era nenhum Bic Mac, mas quem sabe se não era ainda melhor?

E essa foi nossa primeira lista com histórias de animais da Bíblia. Você com certeza sentiu falta de muitas histórias, não é? Logo logo a gente apresenta outras listas. Você gostaria de nos ajudar? Então comente aqui em baixo com a sua história com animais preferida!

Mas, mesmo com apenas essas setes histórias, vemos o poder de Deus sobre a natureza, e de como até mesmo os animais podem ser usados para servirem aos propósitos de Deus, não é verdade? Portanto, estejamos atentos para o que Deus tem falado conosco através deles!

Comente o que achou!